Comunidade Escolar Celebra Importância do Ceimar para Maracajaú e Região

alunos ceimar mostrando suas medalhas
alunos ceimar mostrando suas medalhas

Os 240 alunos, as 169 famílias e as mais de mil pessoas beneficiadas diretamente pela instituição de ensino, manifestam sua gratidão pela oportunidade de destinos melhores, proporcionados pela Fundação Brande Harmonia.

Para além da aplicação da Educação da Vida, agregada às diretrizes da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) seguidas pelo de Educação Integrada de Maracajaú (Ceimar), localizado no município de Maxaranguape/RN, a instituição tem sido fundamental para a comunidade localizada em seu entorno.

Veja, nesta matéria especial, alguns depoimentos de pais e mães que fazem questão de manifestar sua gratidão à Fundação Grande Harmonia que, mais do que oferecer ensino de qualidade, tem sido um celeiro de talentos, tanto nos estudos que aprovam vários alunos em disputados concursos para ingresso em escolas técnicas, institutos federais e escola agrícola da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), quanto na área sócio-esportiva, abrindo oportunidade em escolas que valorizam o desempenho de alunos que se destacam também no esporte.

Abaixo, segue uma série de vídeos com depoimentos curtos, mas carregados de gratidão e emoção, dos pais de alunos e ex-alunos que tiveram seus destinos encaminhados graças, segundo eles, à excelência de ensino do Ceimar, que consideram uma verdadeira extensão de suas famílias, e à fundamental ajuda da Fundação Grande Harmonia, desde 2009.

Base do ensino praticado no Ceimar está na aplicação constante da Educação da Vida – Não se pode chamar de rotina as práticas pedagógicas colocadas em marcha no Ceimar. Pautadas nas reuniões de professores para estudo de livros da coleção A Verdade da Vida, as atividades incluem o cultivo de hortas, a limpeza de praças e praias, a realização de aulas de reforço, a atenção especial aos alunos que possuem alguma dificuldade, incentivo ao aprendizado de música e também da prática de esportes, entre outras iniciativas.

O resultado é a aprovação de alunos em processos seletivos para instituições de grande concorrência, estudantes selecionados em olimpíadas de língua portuguesa e jovens que ganham bolsas de estudo em importantes instituições de ensino pelo seu desempenho esportivo, entre outras formas de reconhecimento socioeducacional acerca do trabalho realizado pelo Ceimar, ao longo dos anos.

"Por trás de tudo isso está a aplicação dos pilares pedagógicos apontados pela Seicho-No-Ie: satisfazer os 5 desejos fundamentais (ser amado, útil, livre, reconhecido, elogiado), elogiar, fortalecer a autoconfiança, incentivar, crer na potencialidade infinita e descobrir talentos e habilidades, entre outras práticas que preconizadas pela Educação da Vida e comprovam que o legado do Sagrado Mestre Masaharu Taniguchi é fundamental para que alunos, pais e mestres atinjam seus objetivos, e tenham lares e destinos felizes."

Diretora Pedagógica e Administrativa do Ceimar, Psicóloga Dulcinéa Silva de Lima

Criatividade que leva ao longe: alunos da turma do 9º Ano do Ceimar estudam figuras geométricas de forma lúdica, identificando faces, arestas e vértices com balinhas de jujuba. O resultado da metodologia de ensino adotada pelo Ceimar é a aprovação de 12 estudantes, entre 2017 e 2020, em processos seletivos rigorosos de instituições federais, o que garante uma excelente formação profissional.

Equipe de educadoras do Ceimar participando de um seminário de práticas pedagógicas: formação ininterrupta, aliada à Educação da Vida, resulta em pais satisfeitos com a qualidade do ensino praticado na escola.

Corpo de Bombeiros de Natal/RN recebeu educadoras do Ceimar para um seminário de treinamento, teórico e prático, de Primeiros Socorros: a escola é reconhecida, pelas instituições locais, pela seriedade de seus esforços no contexto socioeducacional da região.

Talentos que surgem no Ceimar são notados por instituições da capital Natal e ganham bolsas de estudo – É unanimidade, entre as mães e pais de alunos e ex-alunos do Ceimar, a mesma opinião que fazem questão de registrar: a escola se tornou uma porta de acesso a novos horizontes.

É o caso de Ivanildo Braz Júnior, pai da ex-aluna Yane Gabrielly Lisboa Braz, que salienta, em vídeo, a fundamental contribuição do Ceimar para as famílias da região.

Para além das questões curriculares, ele elogia o atendimento global de todos os profissionais, comprometidos com a comunidade. Acompanhe a fala dele.

A filha de Braz, Yane, juntamente com outra ex-aluna do Ceimar, Evellyn Louyse, por meio do Projeto Intercampus, uma iniciativa social presente em Maracajaú que estimula jovens craques de futebol e futsal, conquistaram uma Bolsa de Estudo para o colégio Expansivo, em Natal/RN.

Ouro e bronze da casa: Evellyn Louyse e Yane Gabrielly, egressas do Ceimar, foram campeãs estaduais de Futsal nos jogos escolares, e conquistaram a medalha de bronze a nível nacional.

O desempenho de Yane chamou a atenção dessa importante instituição de ensino, que é referência na capital potiguar. Naquela escola, a filha de Braz já foi campeã dos Jogos da Juventude Escolar do Rio Grande do Norte (JUVERNS), garantindo vaga para os Jogos Escolares Brasileiros (JEBS). Nesta competição nacional, ganhou a medalha de bronze, levando muito orgulho a Maracajaú e a todo o estado do RN.

Vale destacar que a Prefeitura de Maxaranguape/RN, sob o comando do Prefeito Luís Eduardo Bento da Silva desde 2017, apoia projetos sócio-esportivos e conta com o Ceimar como um verdadeiro celeiro produtor e até exportador de talentos, que leva o nome do município para o cenário estadual e nacional.

Concorrência para ingressar no Ceimar é explicada pelos resultados – Não é de hoje que o Ceimar é tido como uma instituição de destaque na rede municipal de ensino de toda a região. Por essa razão, é uma das escolas mais procuradas, sendo inevitável que sempre haja fila de espera.

As salas são ocupadas com o máximo possível de alunos, totalizando 240 matriculados. Para manter o nível de excelência na qualidade de ensino, antecede à matrícula um atendimento personalizado que visa a garantir o sucesso no aprendizado de cada estudante.

“Avaliamos o quadro socioeconômico da família e salientamos a importância do comprometimento dos pais com a educação dos filhos, ou seja, analisamos o quanto a criança será acompanhada pelos responsáveis”, revela a diretora Dulcinéa, que todos os anos recebe também encaminhamentos de alunos da própria Secretaria de Educação de Maxaranguape/RN, uma prova da confiança institucional construída pelo Ceimar, ao longo do tempo.

Para a mãe da aluna Vitória Heloise Medeiros de Souza, a senhora Denise Meireles Medeiros, a escolha por matricular sua filha no Ceimar se deu por saber da fama de escola exemplar de que a instituição goza. “É uma escola rígida, que exige uso do uniforme e explicação dos pais a cada vez que o aluno falta, sendo que tudo isso, junto ao atendimento maravilhoso de pessoas como a diretora Dulcinéa e a professora Lívia, fez com que a minha filha evoluísse muito rápido”, comentou Denise, que fez questão de agradecer à Fundação Grande Harmonia: “Todas as pessoas que compõem a Fundação merecem a nossa gratidão”.

Assista ao vídeo enviado pela senhora Denise.

Ceimar, um celeiro de gigantes – De 2017 para cá foram nada menos que 12 alunos do Ceimar classificados em processos seletivos para instituições federais.

Além das aulas preparatórias em contraturno, a diretora Dulcinéa reporta que o segredo desse sucesso é um envolvimento global dos jovens em atividades lúdicas que incluem artes cênicas e musicais, ampliando o acesso dos alunos a um repertório cultural que dá base para ingresso nas melhores escolas.

Semeando cultura, produzindo gigantes: sucesso dos alunos do Ceimar em processos seletivos para ingresso no Instituto Federal do Rio Grande do Norte, entre outros, passa pela formação integral do jovem em atividades, por exemplo, como a participação no musical É Proibido Miar, de Pedro Bandeira, para o qual os próprios estudantes confeccionam as máscaras que usarão em cena.

Para a mãe dos alunos Paulo Victor, Paloma Beatriz e Ayona Ronnely, a também professora, mas de outra instituição, Adriana Rodrigues de Araújo Sena, o Ceimar se transformou em sinônimo de sucesso para o futuro dos seus alunos porque atua com foco em resultados.

“Falando como mãe, mas também como professora, vejo que o Ceimar visa a formação de maneira integral, seja como estudantes, seja como pessoas.”

Adriana

Para a senhora Edilma dos Santos, mãe do aluno Antônio Pedro dos Santos Silva, premiado recentemente na Olimpíada de Língua Portuguesa, e tia da ex-aluna Luíza dos Santos Gonçalves Oliveira que em 2018 ingressou na Escola Agrícola de Jundiaí, unidade da Universidade Federal (UFRN), a Fundação Grande Harmonia, por intermédio do Ceimar, proporciona um futuro aos jovens porque prima pela qualidade.

Confira o vídeo em que a senhora Edilma revela o diferencial do ensino praticado pelo Ceimar.

É também muito grata ao Ceimar e à Fundação Grande Harmonia, a senhora Edilza Maximinio de Farias, mãe da ex-aluna Adriana Maximinio da Silva, hoje cursando o Instituto Federal do RN, e do aluno Adriano Marculino da Silva Filho. Para ela, funcionários e educadores tratam dos alunos como se fossem integrantes de suas próprias famílias, o que é muito gratificante para os pais.

Confira o depoimento da senhora Edilza.

Alunos que ensinam, pais que aprendem, professores que agregam – Uma marca do ensino no Ceimar, fruto da Educação da Vida, é que a mudança de atitude dos filhos, adquirida na escola, migra para dentro dos lares, tornando as famílias mais harmonizadas e alegres em função do espírito de gratidão que nelas passa a reinar.

De acordo com a diretora Dulcinéa, isso se deve à associação que os pais fazem, ligando a nova atitude mais grata e harmoniosa aos resultados que os filhos passam a obter, e nos mais diversos aspectos.

Seja no desempenho escolar, nas expressões artísticas ou nas práticas esportivas, quando passa a imperar o sentimento de gratidão, isso modifica completamente o significado da vida dessas famílias, o que para nós é motivo de muita alegria

Diretora Dulcinéa, orgulhosa dos resultados de seus alunos nas várias frentes de atuação

O aluno do Ceimar Gabriel Pimentel foi festejado, pela Prefeitura e em toda a localidade, pelas medalhas conquistadas no Campeonato Brasileiro de Wrestling, Regional 4, realizado em 13 de novembro de 2021, em Maceió/AL. Gabriel foi medalha de ouro na categoria 60 kg.

Para Simone Pereira Dantas, mãe dos estudantes Lucas Gabriel, Luciana Sara e Luana Thayná, o grande benefício proporcionado pelo Ceimar para o seu lar, foi o sentimento de gratidão.

"Não sei o que seria de mim e da minha família se não fosse a Fundação Grande Harmonia nas nossas vidas".

Simone, mãe dos estudantes Lucas Gabriel, Luciana Sara e Luana Thayná

Os pais atestam: professores do Ceimar são dedicados, delicados e engajados – A espontaneidade das mensagens de gratidão das mães e pais de alunos e ex-alunos do Ceimar, são reveladoras do respeito da comunidade pela escola.

Entre outras qualidades exaltadas, eles ressaltam os benefícios proporcionados pela instituição como um todo, ultrapassando paredes das salas de aula. Eles citam a delicadeza ao ensinar, a dedicação em perseverar no progresso de cada criança e o engajamento com a educação de qualidade.

“Isso tudo faz com que tenhamos uma ligação muito forte com a escola.”

Raimundo Nonato Bonifácio Cabral, pai da aluna Ana Cecília de Lima Cabral

Para a senhora Ana Cristina Inácio do Nascimento, mãe da aluna Débora Cristina Nascimento de Souza, a escola é evoluída em todos os aspectos, trazendo benefícios para toda a comunidade.

A senhora Izolda Felix da Silva, mãe da aluna Maria Vitória da Silva dos Santos, revela que tanto a maneira de ensinar os filhos quanto de envolver os pais, chamando para conversar quando é preciso, é o grande diferencial do Ceimar.

“Que o Céu abençoe a todos da Fundação.”

Izolda Felix da Silva, mãe da aluna Maria Vitória da Silva dos Santos

Gratidão sem fim – A diretora Dulcinéa, que é também Divulgadora da Seicho-No-Ie, conclui ressaltando que a gratidão que a comunidade expressa para com a escola e sua equipe, sempre se estende aos membros da Fundação Grande Harmonia e da Seicho-No-Ie, o que para ela é motivo de enorme satisfação e felicidade.

“À todos aqueles que até hoje atuaram à frente da Fundação, desde presidentes anteriores até o atual, Preletor Romeu Pace Filho, à queridíssima Preletora Marie Murakami, curadora, e a todos os integrantes das diretorias, a atual e as que foram formadas ao longo do tempo, posso garantir que a gratidão da comunidade de Maracajaú a todos eles ultrapassa a dimensão das palavras, porque vem do âmago a felicidade de ver seus filhos no caminho da vitória, do sucesso e da realização, em todos os aspectos de suas vidas”, faz questão de registrar Dulcinéa.

Ela também não se esquece dos fundadores da Fundação Manoa, que deu origem ao trabalho que é realizado desde 2009, quando a Seicho-No-Ie assumiu e instituiu a Fundação Grande Harmonia. A Divulgadora Dulcinéa se refere aos casais de Preletores Maria do Rosário de Araújo Rodrigues e Valentim Albino Rodrigues, e Pedro Heltai e Maria Inês Barros de Miranda Heltai. “Sem dúvida, o mérito espiritual de todos eles é incalculável, pois sua generosidade se perpetuará no tempo, ao longo da vida de todos os alunos que tiveram e têm a oportunidade de passar pelas carteiras abençoadas do Ceimar”, conclui a diretora Dulcinéa, olhos que se marejam facilmente, coração imenso e competência à toda prova.

“A todos aqueles que até hoje atuaram à frente da Fundação, desde presidentes anteriores até o atual, Preletor Romeu Pace Filho, à queridíssima Preletora Marie Murakami, curadora, e a todos os integrantes das diretorias, a atual e as que foram formadas ao longo do tempo, posso garantir que a gratidão da comunidade de Maracajaú a todos eles ultrapassa a dimensão das palavras, porque vem do âmago a felicidade de ver seus filhos no caminho da vitória, do sucesso e da realização, em todos os aspectos de suas vidas.”

Diretora Dulcinéa

Ela também não se esquece dos fundadores da Fundação Manoa, que deu origem ao trabalho que é realizado desde 2009, quando a Seicho-No-Ie assumiu e instituiu a Fundação Grande Harmonia. A Divulgadora Dulcinéa se refere aos casais de Preletores Maria do Rosário de Araújo Rodrigues e Valentim Albino Rodrigues, e Pedro Heltai e Maria Inês Barros de Miranda Heltai. “Sem dúvida, o mérito espiritual de todos eles é incalculável, pois sua generosidade se perpetuará no tempo, ao longo da vida de todos os alunos que tiveram e têm a oportunidade de passar pelas carteiras abençoadas do Ceimar”, conclui a diretora Dulcinéa, olhos que se marejam facilmente, coração imenso e competência à toda prova.

Para quem sentir o desejo de contribuir, conheça as opções e siga as instruções acessando:

Mais Boas Notícias

Compartilhe esta página!