Regional MG-CAIÇARA Efetua Doações para Vítimas das Enchentes em Minas Gerais

Mãos de Deus Projeto Solidário Seicho-No-Ie Regional MG-BH Caiçara

Vários itens básicos foram distribuídos em parceria logística com a Polícia Militar e a Cruz Vermelha mineiras.

Enchente histórica – A maior enchente da história do Estado de Minas Gerais, em termos de quantidade de municípios atingidos, testou a capacidade de se reerguer do povo mineiro. Um dos caminhos encontrados para a superação da destruição foi a mudança no direcionamento de ações filantrópicas que já aconteciam, agora encaminhadas para as vítimas das enxurradas. Ao todo, foram 377 cidades de todas as regiões, ou seja, quase metade do estado, que registraram prejuízos logo nos primeiros dias de janeiro de 2022.

Redirecionamento – Em função disso, e acompanhando a necessidade de redirecionamento das doações que normalmente já são realizadas, a Regional MG-CAIÇARA, sediada na capital Belo Horizonte/MG, arrecadou diversos itens básicos e levou até o 34º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais (34º BPM) e para a sede da Cruz Vermelha para que essas instituições realizassem a distribuição.

 

Desde antes da Pandemia, as ações filantrópicas da Regional MG-CAIÇARA, sob responsabilidade da Federação das Associações Pomba Branca, presidida pela Preletora Daniela Sá Brandão, fazia campanhas de doações para a Associação dos Leucêmicos do Estado de Minas Gerais, a Leuceminas, que oferece apoio a crianças, jovens e adultos carentes que sofrem de leucemia”

- explicou a Divulgadora Luíza Soares Arruda, Coordenadora do Departamento de Ação Social e Filantropia da Regional

Com os efeitos da Pandemia e a redução das atividades de assistência, o que seria direcionado para a Leuceminas acabou sendo entregue ao 34º BPM e à Cruz Vermelha, que distribuíram às vítimas das enchentes na região metropolitana da grande BH.

Campanha da Regional MG-CAIÇARA visa a auxiliar a Associação dos Leucêmicos do Estado de Minas Gerais, a Leuceminas, que oferece apoio a crianças, jovens e adultos carentes que sofrem de leucemia.

Itens doados – Dentre os itens que foram registrados em relatório, foram arrecadados e doados agasalhos, alimentos em geral, sacola de brinquedos, enxovais para bebê, uma caixa de produtos de higiene variados, produtos de limpeza, uma sacola de roupas de cama, sacolas de roupas diversas, sapatos, garrafa térmica, bolsas e diversos talheres.

“Como fomos informados pela própria Leuceminas que eles não estão atendendo muitas pessoas, a Divulgadora Ana Maria, sempre muito solícita, deu a ideia de procurarmos a PM e a Cruz Vermelha”, informou a Div. Luíza, que também se demonstrou muito grata à Supervisora Administrativa Doutrinária da Regional MG-CAIÇARA, Preletora Fátima Olivetto, que permitiu que as doações fossem entregues na secretaria, durante a semana, no horário de funcionamento da sede Regional.

O 34º Batalhão de Polícia Militar de Minas Gerais, assim como a Cruz Vermelha de Belo Horizonte/MG, recebeu as doações enviadas pela Regional MG-CAIÇARA e ambas as instituições distribuíram entre as vítimas das enchentes recordes que atingiram o Estado logo no início de 2022.

Divulgação de ações das Regionais no Portal da SEICHO-NO-IE DO BRASIL (SNI/BR) – O espaço do Gabinete de Assistência Social e Filantropia no Portal da SNI/BR, também é reservado às Regionais Administrativas Doutrinárias.

A Preletora Rosane dos Santos Pires, Supervisora do Gabinete, que é de responsabilidade do Preletor em Grau Master Paulo Seichiti Saita, Diretor Vice-Presidente da SEICHO-NO-IE DO BRASIL, faz a seguinte solicitação aos responsáveis de cada Regional.

Toda Regional recebe um Relatório onde se solicita a descrição das ações filantrópicas realizadas, sendo importante que seja preenchido não apenas para fins de controle, mas justamente para ficarmos sabendo e eventualmente abrirmos este espaço para que sejam compartilhadas com todo o Brasil”, explica a Prela. Rosane, que complementa: “A divulgação, além de aquecer nossos corações, também serve de inspiração para outras lideranças que já estão, ou desejam começar a fazê-lo, colocando em marcha uma das três práticas religiosas importantes da Seicho-No-Ie, que são os atos de caridade em prol da felicidade do próximo”

- finaliza a Prela. Rosane.

Modelo de Licença do Uso de Imagem

Modelo de Planilha de Registro de Doações

Vale lembrar que o relatório, bem como fotos e outros itens e informações, podem ser enviados para o e-mail socialefilantropia@sni.org.br.

Compartilhe esta página!