Cerimônias e Práticas

Cerimônias e Práticas

Expressar a perfeição da Imagem Verdadeira, inerente a todos nós, neste mundo fenomênico é a missão que todos carregamos. Isto é o mesmo que “manifestar o infinito, no finito”. As Práticas e Cerimônias da Seicho-No-Ie são, neste sentido, os instrumentos pelos quais conseguimos manifestar a Verdade aqui e agora.

“A peculiaridade da Seicho-No-Ie está em transcender todo e qualquer sectarismo, pregar a Verdade que constitui a essência de todas as religiões e ensinar as pessoas a manifestarem na vida prática a própria natureza divina.”

TANIGUCHI, Masaharu. Melhore seu destino orando pelos antepassados. 22ª ed. SP: Seicho-No-Ie, 2007, p. 29

Cerimônia em Memória das Almas dos Povos Negros e índios que participaram da construção dos países ibero-americanos​

Todos os anos, no dia 07 de setembro, dia em que comemoramos a Independência do nosso país, a Seicho-No-Ie do Brasil realiza um evento na Academia Sul-Americana de Treinamento Espiritual da Seicho-No-Ie de Ibiúna-SP, englobando duas cerimônias sagradas: a Cerimônia em Memória dos Pioneiros do Brasil e Oração pela Paz Mundial e a Cerimônia em Memória das Almas dos Povos Negros e índios que participaram da construção dos países ibero-americanos.  

A finalidade é reunir o maior número de pessoas para orar em conjunto, com muito respeito, pelas almas daqueles que contribuíram para a edificação da Nação Brasileira e dos países ibero-americanos. Com profunda reverência, são evocadas as almas dos ancestrais de todas as nações indígenas que, desde eras imemoráveis, habitaram o território hoje conhecido como Brasil e dos países ibero-americanos. Tais povos foram expulsos de suas terras, tiveram sua cultura aviltada e suas populações dizimadas durante o processo de colonização destas terras, participaram de capítulos importantes de nossa história e merecem ser reconhecidos por seus feitos e pelos sofrimentos passados pelos seus membros, especialmente durante a época da escravidão.

Com a mesma consideração, são evocadas as almas dos negros trazidos da África e de seus descendentes, nascidos em solo brasileiro e países da ibero América, que viveram sob o jugo da escravidão. Sabemos que a criação de alguns poucos parques e reservas indígenas e imposição da justa lei redentora – a Lei Áurea, que decretou o fim a escravatura, libertando o povo negro -, não foram suficientes para reparar tamanhas injustiças e crueldades impostas a estes povos.

O propósito central das cerimônias é de concretizar a realização do ideal de todos os povos, que independentemente da cor da pele ou da origem étnica, devem viver com plena liberdade, de forma harmoniosa, com a mesma dignidade e igualdade, tendo como base a imutável Verdade de que todos são Filhos de Deus.

Como sinal de gratidão e respeito, honrando as almas que na vida terrena viveram escravizadas, é realizada a leitura da Sutra Sagrada Chuva de Néctar da Verdade, e pelo poder das palavras sagradas nela contidas, os espíritos que mantinham ainda algum sentimento de ódio, mágoa ou rancor, libertam-se definitivamente de seus sofrimentos, elevando-se a degraus mais iluminados no mundo espiritual e enviando, desta forma, vibrações de proteção ao Movimento de Iluminação da HumanidadeMovimento Internacional de Paz pela Fé, e a todos seus parentes e descendentes.

Também no Dia de Finados, 2 de novembro, a mesma Cerimônia é realizada nas Academias da Amazônia- PA, Santa Fé – BA, Curitiba – PR e Santa Tecla – RS, honrando tais povos nas regiões Norte, Nordeste e Sul do país. Em ambas as ocasiões, representantes de nações indígenas e negros participam dos cerimoniais, convidados pela SEICHO-NO-IE DO BRASIL.

Cerimônia no Monumento aos Anjinhos Anônimos dos Países Ibero-Americanos e Angola​

A Seicho-No-Ie nos ensina que o maior presente que recebemos é a nossa vida, ou seja, a vida divina que se perpetuou por meio de nossos ancestrais até chegar a nós. É importante sabermos que parte de nosso destino é formado por influência de nossos antepassados, e graças àqueles que nos antecederam podemos vivenciar essa experiência de crescimento espiritual na Terra. Desta forma é crucial manifestarmos gratidão às nossas raízes.

“Todo ser humano perderá algum dia o corpo físico, mas isso não significa morte. O homem, sendo filho de Deus, é imortal.” (TANIGUCHI, Masaharu. Revelações Divinas. SP: Seicho-No-Ie do Brasil, 2012, p.31)

A Seicho-No-Ie nos oferece a oportunidade de dedicarmos orações aos nossos antepassados, familiares, bem como amigos e conhecidos que partiram para o plano espiritual. E também o reconhecimento e dedicação de amor as almas angelicais (crianças que sofreram aborto) é de suma importância para essa pequena vida e sua família.

Quais são as Cerimônias oferecidas?

Há as cerimônias coletivas, destacando-se a Cerimônia em Memória aos Antepassados e a Cerimônia aos Anjinhos Abortados, que ocorrem em regionais, núcleos e associações locais, bem como na Sede Central e Academias de Treinamento Espiritual da Seicho-No-Ie. (ver endereços) (http://www.sni.org.br/buscar_iconTarja_mapa.asp)

Nelas são utilizados os registros espirituais, impressos específicos onde são inscritos nomes de familiares e parentes das pessoas presentes.

Anualmente, a Seicho-No-Ie do Brasil realiza na Academia de Treinamento Espiritual da Seicho-No-Ie em Ibiúna – SP um grandioso evento espiritual, a “Festividade do Santuário Hōzō”, reunindo milhares de pessoas, que se unem em orações aos seus antepassados e entes queridos, celebração em que também podemos orar para pessoas de nosso convívio (amigos e conhecidos), que se encontram no mundo espiritual.

Nesta “festa espiritual” é realizada também a Cerimônia no Monumento aos Anjinhos Anônimos dos países Ibero-Americanos e África Latina, dirigida às almas angelicais, que sofreram aborto espontâneo ou provocado e não foram reconhecidas pelos familiares.

(ver link FSH) link: http://www.sni.org.br/santuariohozo/

A Sede Central, através do Setor de Ofícios Religiosos, e também as regionais de todo o Brasil oferecem aos adeptos a realização de Cerimônia Fúnebre (de corpo presente), importante tanto para o espírito como para os familiares no momento da “partida” de entes queridos, bem como Cerimônia Individual Familiar, Cerimônia de Vinculação de alma à Tabuleta Memorial, para citar algumas. Todas conduzidas por Preletores e Líderes da Iluminação.

Que orações posso realizar em casa para os antepassados?

Em âmbito individual, o praticante do ensinamento da Seicho-No-Ie pode realizar diariamente orações aos antepassados de sua linhagem direta (bisavós, avós, pais, irmãos e filhos) e de seu cônjuge, se o tiver, em sua residência. Para aqueles que iniciam essa importante prática de dedicação de amor existem roteiros e orientações específicas para a leitura da Sutra Sagrada às almas dos antepassados. Conheça essas orientações, que são a “Leitura da Sutra Sagrada” (para iniciantes) e o roteiro da “Oração em Gratidão aos Antepassados”. (clicar) arquivo: “oracao-de-gratidao-aos-antepassados.pdf” ou link: http://www.sni.org.br/cerimonias-e-praticas/download/oracao-de-gratidao-aos-antepassados.pdf

Gostaríamos de convidá-lo (a) para se aprofundar na temática “Antepassados”, estudando a relação deles com a sua vida diária, participando das cerimônias em nossos endereços físicos e tendo contato com a vasta literatura sobre o assunto. (ver livraria) link: https://www.livrariasni.org.br

Oração em Gratidão aos Antepassados

As cerimônias em Gratidão aos Antepassados são, geralmente, programadas nas reuniões locais, Regionais e nas Academias. Orar pelos antepassados é transmitir o sentimento de amor e gratidão àqueles que nos antecederam.

A Vida de todo ser humano está ligada aos antepassados. Se não agradecermos às raízes da Vida, seremos como a flor amputada do caule: por mais que seja bela e vistosa, logo murchará e secará.”

Seicho Taniguchi.

Leia os livros: ‘Alegria de Cultuar os Antepassados’ e ‘Melhore seu Destino Orando pelos Antepassados.’

Sobre nossos antepassados

Enviarmos diariamente vibrações de luz e amor para nossos entes queridos que já estão no plano espiritual é o maior presente que podemos ofertá-los. Nossas vibrações serão benéficas a eles, dando-lhes força para continuar a jornada da vida e trabalhar para sua evolução e servir aos semelhantes. È muito importante cultivar o coração de amor que ora pelos seus ascendentes.

Os nossos antepassados, embora seus corpos carnais tenham perecido, continuam a existir como corpos espirituais, os quais se apresentam sob os mais variados aspectos, em conformidade com o grau de aprimoramento de cada um. As pessoas que tiveram baixo grau de aprimoramento espiritual nesta vida e viveram mal também continuarão a viver mal no mundo espiritual enquanto não alcançarem maior grau de aprimoramento. Por essa razão, também no mundo espiritual há pessoas doentes e pessoas aflitas. Se quisermos que nossa vida no mundo espiritual seja boa, devemos atingir o grau de aprimoramento que nos possibilite isso.”

Extraído do livro: “O Que é Seicho-No-Ie”, págs. 114 a 116.

Vibrações mentais

“Mesmo depois de deixar esta vida e passar para o mundo espiritual, as pessoas conservam durante algum tempo, no nível do pensamento, os hábitos que mantiveram ao longo de sua existência terrena. Por isso, mesmo destituídos de corpo carnal, muitos espíritos ainda mantêm o desejo de comer.Para esses espíritos, devemos fazer oferendas de alimentos.O mundo espiritual é constituído unicamente de vibrações mentais. Por isso, fazemos a oferenda de alimentos às almas dos entes queridos que se encontram no mundo espiritual, para que eles, servindo-se de nossas vibrações mentais que ali chegam sob a forma de alimentos, fiquem satisfeitos.Naturalmente, existem espíritos elevados, que tem a convicção de que o corpo carnal é inexistente e que todos os seres vivos são vivificados pela Vida de Deus, mesmo que não comam nada. Esses espíritos não sentem desejo de comer. Porém, as oferendas que lhes são feitas com o carinho e respeito proporcionam grande alegria a eles e contribuem para seu maior “crescimento”.

Extraído do livro: “O Que é Seicho-No-Ie“, págs. 116 e 117.

Os espíritos vivem “alimentando-se” das vibrações mentais

As boas vibrações mentais constituem “alimentos muito nutritivos”, que promovem seu crescimento; e as más vibrações mentais constituem elementos nocivos, que provocam a degradação. É importantíssimo transmitirmos a elas as vibrações mentais da Verdade, para que as assimilem e alcancem o despertar. Isso constitui a melhor forma de cultuá-las. Por isso, aconselha-se ler para elas as Sutras e Livros que contenham palavras da Verdade, tais como a Chuva de Néctar da Verdade e A Verdade da Vida, da Seicho-No-Ie, a Bíblia ou as sutras budistas.

Cerimônia Junina de Grande Purificação​

O destino do homem não é dirigido pelo acaso.
Refletimos em nosso corpo, ambiente, trabalho, família e em tudo mais que se relaciona conosco, nossos próprios pensamentos, sentimentos a atos. Isso significa que, quanto mais purificada estiver a nossa mente, melhor será a nossa vida. Salvar-se é o mesmo que purificar-se.
Através da mente pura, os raios de luz do amor e da sabedoria de Deus transparecerão nitidamente em seu interior, projetando um mundo mais livre, feliz e saudável.
Promovendo uma oportunidade para iniciarmos o segundo semestre do ano mais purificados e alegres, a Seicho-No-Ie realiza a Cerimônia Junina de Grande Purificação da Mente.

Informações:
1. As Formas Humanas (Oharai) especiais de purificação podem ser adquiridas numa das sedes da Seicho-No-Ie;
2. Cada pessoa preenche sua Forma Humana – Oharai. Esta deverá ser passada em todo o corpo, enquanto mentaliza-se que através deste ato todos os pensamentos, sentimentos e atos impuros estão sendo eliminados.
3. Após isto, a Forma Humana Oharai deverá ser devolvida á sede aonde foi adquirida, no dia da cerimônia, para oração e incineração.
Para participar é só procurar uma das sedes da Seicho-No-Ie espalhadas pelo Brasil e se informar quando será a próxima.

Meditação Shinsokan ​

Um encontro com Deus!

O ser humano é filho de Deus! Por isso, tem necessidade de encontrar-se com Deus, a centelha divina que compõe a parte essencial de seu ser!

Na Seicho-No-Ie temos como método de afinação mental a Meditação Shinsokan! Uma meditação que nos conecta com o Deus e o Mundo originariamente criado por Ele, chamado de Imagem Verdadeira, onde somente o Bem e a Perfeição existem! O meio para acessarmos esta essência perfeita e despertarmos em nós as virtudes infinitas de Deus é a Meditação Shinsokan. Por isso, ela é uma das praticas fundamentais da Seicho-No-Ie. Praticada diariamente por seus adeptos, dirigentes e simpatizantes, permite que tenhamos uma experiência religiosa consciente de contato com Deus.

A palavra “Shinsokan”, de origem japonesa, tem o significado de “ver, pensar e contemplar Deus”.

Quanto mais contemplarmos Deus e Seu Mundo, mais nos conscientizamos da nossa filiação Divina.

Qualquer pessoa pode praticá-la, basta seguir o roteiro! Não requer treinamento ou habilidade especial. É tão somente um encontro com Deus, onde se fita com os olhos espirituais nossa eterna e intrínseca ligação com Deus, nosso Pai, Criador do Universo.

Indicações!

A recomendação é que seja realizada duas vezes ao dia, ao acordar e antes de adormecer, durante 30 minutos cada vez.

Caso não consiga este período todo, permaneça em meditação o tempo que lhe for mais adequado!

O importante é fazer!

 Com o passar do tempo e o aprofundamento na prática, você irá notar que se tornou uma pessoa mais harmoniosa, pacifica, calma e amorosa, com a intuição mais aguçada. São os efeitos positivos da prática da Meditação Shinsokan aparecendo em sua vida.

Benefícios!

Além do desenvolvimento espiritual, a Meditação Shinsokan tem muitos outros benefícios!

A Meditação Shinsokan influi positivamente no estado de saúde e na eliminação de problemas psicológicos, pois proporciona ao praticante um estado de profunda paz, estimulando o afloramento mais pleno de sua força vital. Esse estado de paz interior é muito importante para aqueles que buscam a cura do corpo físico ou da mente.

Veja o que o Prof. Masaharu Taniguchi, fundador da Seicho-No-Ie, diz sobre a Meditação Shinsokan em seus livros:

A prática Shinsokan é uma meditação contemplativa através da qual o homem transcende o mundo do fenômeno, isto é, transcende a matéria, a carne, a mente, e entra num mundo de dimensão superior, o mundo da Imagem Verdadeira, o mundo absoluto e perfeito criado por Deus, onde o Eu verdadeiro (o filho de Deus) funde-se com Deus e onde se fita com os olhos espirituais a perfeição do Eu Verdadeiro, que é a Vida de Deus, Vida eterna, perfeita, indestrutível, imortal, infinita, pura, imaculada e isenta do pecado; que jamais pecou, jamais errou, jamais sofreu, jamais adoeceu e que jamais odiou alguém, pois é a Vida perfeita e invulnerável de Deus; que jamais se queima no fogo, que jamais se afoga na água e que jamais será atingido por micróbios; que é a Vida infinita que cobre todo o Universo, pois ele é UM como Deus infinito.”

Trecho do livreto “Meditação para Contemplar Deus ‘Shinsokan’ e Outras Orações”, de autoria de Masaharu Taniguchi.

Para mais informações consulte os livros “Meditação Shinsokan é Maravilhosa” do Prof. Seicho Taniguchi e “Explicações Detalhadas sobre a Meditação Shinsokan” do Prof. Masaharu Taniguchi. Recomendamos também procurar uma das sedes da Seicho-No-Ie e consultar um Preletor (palestrante da Seicho-No-Ie).

Roteiro

Uma dica: não se preocupe tanto com as formalidades no inicio; leia calmamente o roteiro e faça a meditação lendo-o enquanto for necessário. Aos poucos você verá que está assimilando a sequencia da meditação sem precisar consultar o roteiro.

Posição de Oração: Sente-se na ponta da cadeira com os pés recolhidos para trás, com os calcanhares juntos e a ponta dos pés tocando o solo. Junte as mãos na frente do rosto, deixando um pequeno espaço entre as palmas e os polegares devem ficar na altura da extremidade do nariz. Os braços devem ficar relaxados, formando um ângulo de 60° graus. Os olhos, embora fechados, devem estar voltados ligeiramente para cima.

Canto Evocativo de Deus: Iniciamos a Meditação Shinsokan, entoando o Canto Evocativo de Deus, com a convicção de estarmos chamando a Deus. Concentramos a mente unicamente em Deus, a fim de conseguirmos a sensação de união total com Ele.

“Ó Deus-Pai, que dais vida

a todos os seres viventes,

Abençoai-me com Vosso Espírito.

Eu vivo, não pela minha própria força,

mas pela Vida de Deus-Pai

que permeia os céus e a terra.

As minhas obras, não sou eu quem as realiza,

mas a força de Deus-Pai

que permeia os céus e a terra.

Ó Deus, que vos manifestastes através da Seicho-No-Ie

para indicar o Caminho

dos céus e da terra, protegei-me.”

 

Meditação: Após o canto evocativo de Deus, mentalizar o seguinte:

Neste momento, deixo o mundo dos cinco sentidos e entro no mundo da Imagem Verdadeira.

(Visualizamos e contemplamos um mundo infinitamente vasto e esplendoroso.)

Aqui, onde estou, é o mundo da Imagem Verdadeira.

É oceano de infinita Sabedoria de Deus (várias vezes)

É oceano de infinito Amor de Deus (várias vezes)

É oceano de infinita Vida de Deus (várias vezes)

É oceano de infinita Provisão de Deus (várias vezes)

É oceano de infinita Alegria de Deus (várias vezes)

É oceano de infinita Harmonia de Deus (várias vezes)

Assim mentalizando, contemplemos os atributos de Deus que, em forma de luz, nos envolvem e se estendem por toda parte. Repetimos esta mentalização até conseguirmos visualizar todo o Universo repleto de luz de Deus.

É o mundo da harmonia absoluta. Neste mundo da grande harmonia, eu, como filho de Deus, estou recebendo de Deus a Sua infinita força vivificante (que engloba todos os atributos divinos acima referidos).

Respiração: Ao inspirarmos lentamente, visualizamos a luz resplandecente de Deus fluindo para dentro de nós através das mãos postas (que são como uma antena), preenchendo todo o nosso corpo, desde o alto da cabeça até a extremidade dos pés. Enquanto inspiramos, mentalizamos:

A infinita força vivificante de Deus flui para o meu interior, flui, flui, flui… (repetimos até completar a inspiração). Em seguida, comprimimos o ar para o baixo-ventre, dilatando-o para frente, a fim de criarmos a sensação de plenitude.

Conservando essa sensação, mentalizamos: Pela luminosa força vivificante de Deus sou preenchido, sou vivificado, sou preenchido, sou vivificado… (várias vezes).

Com os olhos da mente, fitamos o nosso ser preenchido e iluminado pela força vivificante de Deus. Enquanto isso, o ar vai se esvaindo lentamente pelas narinas. Quando 70% do ar for expirado, restando ainda uns 30% no baixo-ventre, inspiramos novamente, voltando a mentalizar: A infinita força vivificante de Deus flui para o meu interior, flui, flui, flui…

Preenchidos os pulmões, novamente comprimimos o ar para o baixo-ventre e, aproveitando a sensação de estarmos plenificados, mentalizamos: Pela luminosa força vivificante de Deus sou preenchido, sou vivificado, sou preenchido, sou vivificado… (repetimos essa mentalização, combinada com a respiração controlada, até alcançarmos o estado de concentração total). Então mentalizamos fortemente:Já não sou eu quem vive; é a Vida de Deus que aqui vive (várias vezes).

Retornamos, em seguida, às frases iniciais: Aqui, onde estou, é o mundo da Imagem Verdadeira! É oceano de infinita Sabedoria de Deus,…, etc. (Repetimos esse processo cerca de 30 minutos).

Durante a meditação podemos mentalizar também palavras de afirmação de que o objetivo almejado já está realizado.

Oração pela Paz Mundial (2 ou 3 vezes)

O infinito Amor de Deus flui para o meu interior e em mim resplandece a luz espiritual de amor. Esta luz se intensifica, cobre toda a face da Terra e preenche o coração de todas as pessoas com o espírito de amor, paz, ordem e convergência para o centro.

Canto da Grande Harmonia (2 vezes)

A harmoniosa Vida de Deus ilumina o Universo e no mundo reina a Paz.

Fonte: livreto “Meditação Shinsokan e outras orações” – Masaharu Taniguchi.

Meditação Shinsokan de Oração Mútua​

“A oração pela cura própria pode conter egoísmo. Orando uns pelos outros, brota em vós o sentimento de amor ao próximo, e as vibrações espirituais de Deus atuam em vós.” (TANIGUCHI, Masaharu. Revelações Divinas. SP: Seicho-No-Ie do Brasil, 2012, p.84)

A Meditação Shinsokan de Oração Mútua, é uma prática meditativa onde oramos pela felicidade do outro, esquecendo-nos de nós mesmos. E, quando assim oramos, manifesta-se em nós o sentimento de amor, que sintonizado com Deus, faz fluir as bençãos da salvação.

Pelo fato de não se orar em benefício próprio, mas numa ação solidária para a felicidade e manifestação da Imagem Verdadeira do próximo, surgem melhorias espirituais profundas, tanto às pessoas que oram, como para as que recebem a oração.

Onde é realizada esta prática?

Na Sede Central, regionais, núcleos e associações locais da Seicho-No-Ie, e nas Academias de Treinamento Espiritual da Seicho-No-Ie, durante os Seminários de Treinamento Espiritual que são ali realizados. Procure informar-se quando esta prática será realizada nestas localidades.

Quem pode participar?

Qualquer pessoa, independente de crença ou fé religiosa.

Casamento

CELEBRAÇÃO DE CASAMENTO

O casamento é a união de filhos de Deus que, ao doarem-se mutuamente em sabedoria, amor e vida, transcendem o individual e suas almas retornam à unidade original, cada qual contribuindo para o desenvolvimento da natureza divina do parceiro.

“…uma ‘alma gêmea’ é uma preciosa existência que concretamente extrai, compartilha e reconhece minhas infinitas possibilidades como ‘filho de Deus’.” (TANIGUCHI, Masanobu. Orações Diárias, volume II. SP: Seicho-No-Ie do Brasil, 2019, p.77)

A essência do matrimônio é espiritual, e significa a oportunidade de aperfeiçoamento de almas, a partir de um encontro espiritual. Os cônjuges estão ligados nesta vida através de um carma longínquo e profundo. A vida conjugal faz com que o casal se influencie mutuamente, gerando um enriquecimento mútuo de suas personalidades e novos valores, como a formação de um lar, a geração de filhos. “A Seicho-No-Ie ensina que o marido e a mulher são cada um ‘alma gêmea’ do mundo da Imagem Verdadeira, isto é, da essência real da natureza” (TANIGUCHI, Masaharu. A Verdade, volume 5, 5ª ed. SP: Seicho-No-Ie do Brasil, 2017, p.188)

Quais são os procedimentos para celebrar o casamento pela Seicho-No-Ie?

Os noivos devem procurar o setor de Ofícios Religiosos da regional mais próxima (ver endereços) (http://www.sni.org.br/buscar_iconTarja_mapa.asp) ou da Sede Central a fim de tomar conhecimento das providencias legais e cerimoniais, com antecedência mínima, de 30 à 60 dias, para que haja um bom planejamento deste dia único em suas vidas.

Que tipo de casamento a Seicho-No-Ie realiza?

A Seicho-No-Ie oferece uma celebração completa, seja num “Casamento Religioso”, se os noivos já são casados no civil; seja num “Casamento religioso com efeito civil”, cuja Certidão de Habilitação Civil será fornecida pelo cartório, mediante documentação. O registro no cartório é um requisito fundamental para o casamento na Seicho-No-Ie.

Os noivos podem escolher onde realizar a cerimônia?

Sim, os noivos podem optar por realizar sua cerimônia religiosa em salão de festas, em sua residência, na praia, campo ou em uma das sedes da Seicho-No-Ie, como na Regional, Subsede, Sede Central e até mesmo no Santuário Hōzō.

Batismo

Batismo é o renascimento em espírito, o despertar do filho de Deus para sua verdadeira essência que não é carnal e transitória, mas eterna e divina. O Batismo na Seicho-No-Ie se dá pela Palavra, a exemplo de Jesus Cristo que batizava com o Espírito Santo. “Batizar com o Espírito Santo significa retirar a ilusão por meio da conscientização espiritual da Verdade.” (TANIGUCHI, Masaharu. Preleções sobre a interpretação do Evangelho segundo João: à luz do ensinamento da Seicho-No-Ie, 7ª ed. SP: Seicho-No-Ie do Brasil, 2007, p.27) Através da conscientização de que não somos matéria, e sim, extensão da Vida de Deus, renascemos espiritualmente.

Quem pode ser batizado?

O Batismo pode ser concedido a qualquer pessoa, de qualquer idade, basta que o interessado seja simpatizante do Ensinamento. A Seicho-No-Ie não exige o ritual do Batismo como condição para a pessoa fazer parte da sua comunidade, e é uma singela celebração sem muitas formalidades, que simboliza o renascimento do Eu Verdadeiro.

Quais são os documentos exigidos?

Os documentos exigidos são a Certidão de Nascimento de quem será batizado e o RG dos pais, além do nome dos padrinhos, para que seja preenchido o Livro de Registro de Batismo, e seja emitida a Certidão de Batismo.

Onde se realiza a Cerimônia de Batismo?

A cerimônia pode ser realizada nas dependências da Seicho-No-Ie ou em ambientes externos, como salão de festas ou na residência. Consulte uma regional ou a Sede Central (ver endereços) (http://www.sni.org.br/buscar_iconTarja_mapa.asp) para conhecer melhor essa celebração!

Prática e Purificação da Mente​

PURIFICAÇÃO DA MENTE

O que é?

É uma prática na qual se eliminam os pensamentos e sentimentos negativos e ilusórios dos seres humanos, sob a benção e orientação de Deus que faz derramar a Chuva de Néctar da Verdade. Partindo do princípio de que o pecado desaparece quando é exposto à Luz, escrevemos em folhas de papel todos os sentimentos de ódio, rancor ou mesmo de autocensura, que sente ou sentiu por pessoas próximas ou não a você, e que estão superficialmente esquecidos, de forma plena, sem esconder nada, expressando em palavras escritas os sentimentos negativos que teve, quando os vivenciou, e que não consegue esquecer. Esses “textos confessionais” serão incinerados e assim, serão eliminados da mente, que será purificada até a camada mais profunda, pelos méritos da leitura da Sutra Sagrada “Chuva de Néctar da Verdade”.

Vale ressaltar que ninguém tem acesso àquilo que é escrito, pois a pessoa mantém seu papel de confissão consigo até o momento da incineração, durante a leitura da Sutra Sagrada. Esses sentimentos que são trazidos à tona, transcritos num papel, e queimados sob a vibração das palavras da Verdade vão se extinguindo e purificando a pessoa.

Como participar desta prática?

Participando das reuniões realizadas nas regionais, núcleos e associações locais, Sede Central ou nas Academias de Treinamento Espiritual da Seicho-No-Ie. Procure informar-se quando esta prática será realizada nestas localidades, ou consulte a agenda de atividades da Sede Central da SEICHO-NO-IE DO BRASIL na página principal do site da Seicho-No-Ie.

Cerimônia da Grande Purificação​

O que é?

É uma importante Cerimônia que tem a finalidade de purificar pensamentos, atitudes e falas errôneas acumuladas em nossas vidas. Na Seicho-No-Ie dizemos que os carmas podem ser gerados através do pensar, do agir e do falar, que, muitas vezes, de forma inconsciente, acumulam-se no subconsciente como carmas, que podem ser positivos ou negativos. As vibrações negativas acumuladas acabam desencadeando problemas e entraves à vida, que poderão ser purificadas através de “palavras”.

A Seicho-No-Ie ensina que o pecado e os carmas não existem originariamente, pois estes não passam de reflexos da mente em ilusão. Portanto, quando iluminamos a mente com as palavras da Verdade do “Homem, filho de Deus”, os pecados e carmas são eliminados, como a treva se extingue diante da luz.

Assim, a Cerimônia da Grande Purificação promove o renascimento para uma nova vida. É uma forma de abençoar o que passou e desejar que melhores e novos acontecimentos sejam bem-vindos.

Como participar dessa Cerimônia?

Para participar adquire-se a “forma humana especial”, própria para esta Cerimônia. Nesta a própria pessoa escreve seu nome e idade, e em seguida, passa essa “forma humana” levemente pelo corpo, impregnando-a com suas vibrações espirituais mentalizando: “Foram passadas a esta ‘forma humana’ da Grande Purificação todos os pecados e impurezas não condizentes com o filho de Deus, que acumulei durante o semestre.” E após passá-la pelo corpo, deve-se soprar a “forma humana”, a fim de transferir o carma da fala para a “forma humana”. Durante a Cerimônia a “forma humana” é incinerada enquanto é lida a Sutra Sagrada “Chuva de Néctar da Verdade”. Assim, as impurezas acumuladas, inconscientemente, durante meio ano que passou, são purificadas por meio das palavras iluminadoras da Verdade.

A Grande Purificação ocorre no final dos meses de junho e de dezembro. É uma Cerimônia semestral promovida por todas Regionais e Núcleos do Brasil, além da Sede Central. (ver endereços) (http://www.sni.org.br/buscar_iconTarja_mapa.asp)

Práticas Recitativas

PARTICIPE DE PRÁTICAS DA SEICHO-NO-IE

Na Seicho-No-Ie são realizadas várias práticas, dentre elas a Prática Recitativa “Reino de Deus de Infinita Provisão” e a Prática Recitativa “Imagem Verdadeira-Harmonia-Perfeição”.

Tais práticas baseiam-se no Ensinamento de que aparece no mundo material (mundo fenomênico) aquilo que é desenhado na mente, e ao pronunciar fortemente em palavras, esse desenho mental se concretiza neste mundo fenomênico. Dessa forma, utilizamos o poder da palavra como uma voz que clama pela Verdade, pela perfeição e harmonia da Imagem Verdadeira e a provisão Ilimitada inerente.

Assim, por exemplo, ao recitarmos repetidamente palavras que remetam à infinita provisão de Deus, a ideia de prosperidade ficará fortemente gravada no nosso subconsciente, que é o primeiro passo para se manifestar concretamente em nossa vida.

Na Seicho-No-Ie também aprendemos que o mundo criado por Deus é perfeito e harmonioso; porém, quando tal perfeição não se apresenta neste mundo material, isso significa que ainda há necessidade de purificar os três carmas (do “falar”, do “pensar” e do “agir”). A Prática Recitativa “Imagem Verdadeira–Harmonia–Perfeição” promove a purificação pelo ato de falar. Assim, o estado harmonioso e perfeito, que já existe no interior de cada um de nós, manifesta-se também no mundo material.

Para participar dessa prática e saber mais informações e detalhes a respeito, procure a associação local mais próxima de sua residência, ou consulte a agenda de atividades da Sede Central da SEICHO-NO-IE DO BRASIL na página principal do site da Seicho-No-Ie.

Vale lembrar que a Seicho-No-Ie realiza inúmeras outras práticas em suas reuniões. Como ilustração, para aprofundar a conscientização de união com Deus, temos a prática da Meditação Shinsokan; além do incentivo à leitura de livros da Verdade, Sutras Sagradas e Cantos em Louvor, e a prática de dedicação de amor ao próximo, através da oferendas de trabalho físico, visitas de benção, dentre outras.

Prática Recitativa – Imagem Verdadeira-Harmonia-Perfeição

O ensinamento da Seicho-No-Ie afirma que o “mundo absoluto de Deus é realidade verdadeira, perfeição e harmonia”.

Se essa perfeição não surge como realidade presente, deve-se ao fato de não estarem purificados os nossos três carmas relativos ao corpo, á boca e ao pensamento. Portanto, seria o mesmo que não obter uma bela imagem fotográfica, embora se tenha uma maravilhosa paisagem, porque a lente da máquina está embaçada ou porque foi usado um filtro distorcido na filmagem. Então, para manifestar no mundo fenomênico a imagem perfeita do verdadeiro mundo criado por Deus, é necessário purificar os três carmas (do falar, do pensar e do agir).

A prática recitativa é verbal, e nela se recitam palavras da Verdade.

 

Sequencia da Prática

1.   REVERÊNCIA

2.   CANTO EVOCATIVO DE DEUS

 “Ó Deus-Pai, que dais vida

a todos os seres viventes,

Abençoai-me com Vosso Espírito.


Eu vivo, não pela minha própria força,

mas pela Vida de Deus-Pai

que permeia os céus e a terra.

 

As minhas obras, não sou eu quem as realiza,

mas a força de Deus-Pai

que permeia os céus e a terra.

 

Ó Deus, que vos manifestastes através da Seicho-No-Ie

para indicar o Caminho

dos céus e da terra, protegei-me.”

 

3.   PALAVRAS DO CONDUTOR

 (ver manual para completar o material)

Prática Recitativa "Reino de Deus de Infinita Provisão

O homem, como filho de Deus, é herdeiro de todas as coisas boas e belas que Deus criou. Já é provido de todos os recursos necessários á sua sobrevivência e deve viver cercado da abundante dádiva de Deus.

Através da Recitação “Reino de Deus de Infinita Provisão”, sintonizamos a mente com esse aspecto real. É a prática em que se visualiza a Provisão Ilimitada que Deus já nos concedeu, enquanto se recita repetidamente as palavras “Reino de Deus de Infinita Provisão”.

Pode ser realizada por conta própria, mas sugere-se que, em uma reunião ou seminário da Seicho-No-Ie, a pessoa participe da Recitação, em grupo, explicada e conduzida por um preletor. Assim, compreenderá mais profundamente que o ser humano enriquece se desenhar na mente a riqueza, bastando sintonizá-la.

Essa prática promove essa sintonia e induz a manifestação da prosperidade na vida da pessoa

INSERIR ROTEIRO DA PRÁTICA AQUI

Oração Perpétua aos Apóstolos da Missão Sagrada Espiritual​

“À medida que a luminosa Verdade sobre a Imagem Verdadeira da Vida vai sendo difundida por nós em ação conjunta com os espíritos da esfera celestial, vão se extinguindo as ilusões (pensamentos errôneos). Extintas as ilusões, desaparecerão da Terra todos os sofrimentos e infelicidades, que são produtos das ilusões, e este mundo será um paraíso iluminado, repleto de felicidade.” (TANIGUCHI, Masaharu. A Verdade da Vida, v.21, 6ª ed. SP: Seicho-No-Ie, 2007, p. 53)

A “Oração Perpétua aos Apóstolos da Missão Sagrada Espiritual” é o registro para que qualquer pessoa inscrita (viva ou não) passe a receber orações, diariamente e eternamente, no Santuário Hōzō do Brasil (no caso de falecidos), e no Templo de Orações (no caso de vivos) situados na Academia Sul-Americana de Treinamento Espiritual da Seicho- No-Ie, na cidade de Ibiúna.

Qual o significado espiritual?

Significa que a pessoa inscrita participará, no mundo espiritual, do Movimento de Iluminação da Humanidade, sob a orientação de Deus, como Apóstolo da Missão Sagrada.

Por que fazer a “Oração Perpétua”?

A Oração Perpétua é uma importante ligação entre o mundo material e o mundo espiritual e sua influência pode alterar, inclusive, o destino do homem. A gratidão é o sentimento que dever permear este ato nobre e sublime. É um presente de valor eterno e inestimável para aqueles a quem amamos.

Quem pode se inscrever?

A inscrição pode ser feita por qualquer pessoa ainda em vida ou para parentes e amigos já falecidos. A pessoa inscrita na Oração Perpétua aos Apóstolos da Missão Sagrada Espiritual, receberá a leitura da Sutra Sagrada Chuva de Néctar da Verdade, cinco vezes ao dia, 365 dias ao ano, ininterruptamente, recebendo assim, eternamente, a orientação de anjos protetores e alçando graus mais elevados de evolução espiritual.

Onde fazer a inscrição?

A inscrição poderá ser realizada em uma associação local, regional ou entre em contato com o setor de Ofícios Religiosos da Sede Central da SEICHO-NO-IE DO BRASIL. (ver endereços) (http://www.sni.org.br/buscar_iconTarja_mapa.asp)

Existe alguma contribuição monetária para realizar a inscrição?

Sim. Para maiores detalhes, solicitamos que procure um responsável em sua associação local ou na regional mais próxima, ou entre em contato diretamente com a Sede Central no setor de Ofícios Religiosos da SEICHO-NO-IE DO BRASIL.

Procedimentos para inscrição:

Pessoa falecida ou anjinho (crianças que sofreram aborto): O familiar responsável preencherá a ficha de inscrição, inscreverá o nome do falecido ou de Sublime e Abençoado Anjo do Reino de Deus…. (nome da criança abortada) e juntará com um pedaço do vestuário que a pessoa falecida usava em vida, caso seja possível, recortando-o em tamanho da Sutra Sagrada, formato talismã. O anjinho também é membro da família e, portanto, se a família desejar, poderá receber orações no Santuário Hōzō. Portanto, o nome é preenchido na capa da Sutra Sagrada que serve como tabuleta memorial, e a seguir será consagrada no Santuário Hōzō, onde receberá orações eternamente.

Pessoa em vida: A própria pessoa preencherá a ficha de inscrição e colocará seu nome na capa da Sutra Sagrada, que serve como tabuleta memorial. Essa Sutra Sagrada será consagrada pela Seicho-No-Ie do Brasil, passando a receber 5 orações diárias no Templo de Orações. Após o falecimento essa Sutra Sagrada é transferida e consagrada no Santuário Hōzō, onde receberá orações eternamente.

Treino do Riso

Uma das praticas da Seicho-No-Ie é o treino do riso.

Rir é suscitar alegria no coração, na mente, o que fará com que mais ondas de alegria venham se juntar a nós! Alegria atrai alegria!

Deus é a pura essência da alegria! E ao manifestar alegria manifestamos Deus. Os pensamentos de uma pessoa se refletem em sua fisionomia e vice-versa, melhorando gradativamente seu destino. Por isso, é preciso sempre ter bons pensamentos e manter uma fisionomia alegre.

Além de ajudar a atrair coisas boas, sorrir também faz bem à saúde. A cada sorriso o cérebro é induzido a produzir e liberar mais endorfina, substância relacionada às sensações de prazer e bem estar e é também um analgésico natural. Rir também traz vantagens para o sistema cardiovascular, respiratório e imunológico.

Para praticar é fácil!

Basta ficar em pé, com as pernas levemente abertas, mãos na altura do umbigo e curvar o dorso levemente para trás. Então, mentalizamos a presença de Deus em nosso interior, com algumas palavras, que podem ser: Antes de começar o treino do riso, evocamos o Deus interior, pedindo para que todos repitam as seguintes palavras, em posição de oração:

Ó DEUS / DO FUNDO DA MINHA ALMA / Ó ALEGRIA INFINITA / MANIFESTE-SE!

e emitimos uma boa e alegre risada – Wá há há há há…, em voz alta! Permanecemos alguns instantes rindo alegremente, até sentirmos que estamos realmente alegres! Esta prática pode transformar nossa vida em pura felicidade!

 No vol.7 de A Verdade da Vida, o Mestre nos explica:

 

Como disse William James, filósofo e psicólogo norte-americano, “a fisionomia reflete os pensamentos, mas, por outro lado, os pensamentos também sofrem a influência da expressão fisionômica”.

 

Em outras palavras, mesmo que a pessoa esteja com o pensamento sombrio, se dá gargalhadas (expressão fisionômica), seu pensamento muda e a pessoa torna-se alegre. Na prática do Treino do Riso nas reuniões da Seicho-No-Ie, o condutor explica o treino, falando das virtudes do riso.

Uma senhora com mais de 60 anos de idade foi diagnosticada como portadora de câncer uterino. Depois de vários anos, ela ouviu de um adepto da Seicho-No-Ie o seguinte conselho: “Siga o modo de viver da Seicho-No-Ie e ria a valer. Assim, a senhora vai se curar. Não há outro meio de cura”. No início, ela respondeu: “Mas, se não tenho do que achar graça, não posso rir”. Então, esse adepto disse-lhe: “Rir é como fazer ginástica. O corpo nãose move por si só para fazer ginástica, mas, quando queremos praticá-la, ele se move, não é? Mesmo que não haja graça, é possível rir. Naturalmente, seria ótimo se houvesse algum motivo para rir. Mas, mesmo que não haja razões, se a senhora se empenhar em rir, passará a sentir-se alegre natural e, infalivelmente, o caroço do abdômen se dissolverá. Esse caroço no abdômen é cientificamente um câncer uterino; porém, do ponto de vista mental, trata-se de um caroço feito de mau humor”. Desde então, ela seguiu as palavras da pessoa, empenhou-se em rir todos os dias, e gradativamente o tumor foi diminuindo até desaparecer por completo”

 (A Verdade da Vida, vol. 15, p. 19).

 “Citarei a seguir o exemplo de uma outra pessoa que venceu a doença com o poder do riso. O norte-americano Marden fala de uma dona-de-casa, residente na Califórnia, que entrou em grave estado de depressão após uma série de sofrimentos. Ela não conseguia dormir, nem comer normalmente….. Um dia, porém, tomou a firme resolução de expulsar a melancolia que teimava em oprimi-la. Decidiu que, pelo menos três vezes ao dia, riria alto e o mais espontaneamente possível; e logo em seguida começou a praticar. Quando

(3-1) 2 conversava com os outros, aproveitava todas as chances para dar umas boas risadas; quando se encontrava só em seu quarto, frequentemente olhava para o espelho e ria para a sua própria imagem. Em pouco tempo, sua saúde melhorou, e seu temperamento tornou-se alegre como nunca fora antes. Consequentemente, o lar dessa senhora também se tornou um paraíso, repleto de alegria e felicidade

(A Verdade da Vida, vol.7, p. 37).

O riso aumenta a capacidade defensiva do organismo

 Numa experiência conduzida no Western New England College de Springfield, Massachusetts (USA), dois grupos de voluntários foram acompanhados: o primeiro assistiu a uma comédia; o segundo, a um documentário. Ao final da sessão, coletas de saliva desses indivíduos revelaram que os membros do primeiro grupo tiveram um acréscimo nos níveis da Imunoglobulina IgA, anticorpo que combate germes responsáveis por infecções respiratórias.

O riso reduz a dor

 O Dr. William Fry acha possível que o ato de gargalhar detone uma reação em cadeia nas glândulas endócrinas, favorecendo a produção de determinadas substâncias. Uma delas seria a endorfina, o analgésico natural do organismo.

O riso promove a saúde

 O riso alegre e espontâneo é, realmente, o melhor tônico que a Natureza nos deu. Quando damos umas boas gargalhadas, a nossa função fisiológica torna-se ativa. Normaliza-se a circulação sanguínea, aumenta o poder defensivo dos glóbulos brancos contra as infecções, e torna-se ativa a capacidade natural de cura do organismo. Por isso, nos lares das pessoas que vivem com a mente alegre e repleta de gratidão, nos moldes da Seicho-No-Ie, nenhum inimigo chamado “doença” poderá entrar

(A Verdade da Vida, vol. 7, p. 39)