Revista Mulher Feliz - Janeiro/2022

Desafios Profissionais da Mulher na Atualidade

Os Desafios Profissionais da Mulher na Atualidade

Olá, estimadas leitoras da Revista Mulher Feliz! É uma alegria estar na companhia das senhoras e conversarmos um pouco sobre a beleza dos planos de Deus para nós, mulheres, e de que maneira podemos desenvolver ainda mais as habilidades pessoais, extraindo a nossa capacidade infinita de filhas de Deus. Assim, podemos colaborar para o progresso da humanidade, por meio de nossa profissão.

Ao longo da história, percebemos que as mulheres vêm conquistando cada vez mais espaço no mercado de trabalho. Sua participação nos negócios tem crescido em larga escala e os números são uma prova disso[1]. Percebemos a presença das mulheres em diversas áreas de atuação. Encontramos mulheres ocupando cargos de liderança; mulheres inseridas no campo da ciência, da política, do esporte, bem como empreendendo grandes empresas que elas idealizaram, e sendo, ainda, modelo de inspiração para outras mulheres. Muitas dessas atribuições por muito tempo foram ocupadas somente pela figura masculina. Percebemos que os “papéis sociais”, vistos como femininos ou masculinos, ainda influenciam bastante a escolha de profissões e, com isso, geram desigualdade em vários aspectos. Podemos citar, como exemplo, a área de cuidado com pessoas, a área de trabalho doméstico, a área de educação, entre outras.

No passado, devido à postura preconceituosa da sociedade, das organizações e das pessoas, algumas profissões tinham uma participação feminina muito pequena. Atualmente, ainda percebemos alguns resquícios disso e podemos citar como exemplo a área de tecnologia. Por questões culturais, diversas carreiras sempre foram muito relacionadas aos homens – uma vez que ainda se acreditava que a mente masculina pertencia muito mais à área de exatas do que a mente feminina.

(Trecho extraído da edição de janeiro de 2022 da Revista Mulher Feliz; autora: Aspirante a Preletora da Sede Internacional Viviane Tenório de Macêdo Hara).

[1]SILVEIRA, Daniel. Participação de mulheres no mercado de trabalho tem 5º ano de alta, mas remuneração segue menor que dos homens diz IBGE. g1.globo.com, 2021. Disponível em: https://g1.globo.com/economia/noticia/2021/03/04/participacao-de-mulheres-no-mercado-de-trabalho-tem-5o-ano-de-alta-mas-remuneracao-segue-menor-que-dos-homens-diz-ibge.ghtml

Para ler todo o conteúdo, assine a Revista ou adquira seu exemplar numa das sedes da Seicho-No-Ie espalhadas pelo Brasil e usufrua de conteúdos de grande significado espiritual, a base para nossa felicidade na vida prática.

Aproveite os minutos disponíveis de seu tempo no dia a dia para revigorar-se de corpo e alma nas palavras sagradas do Ensinamento da Seicho-No-Ie por meio da Revista Mulher Feliz!

Compartilhe esta página!