Topo Pagina Cerimonia de 14a ano de Falecimento do Sagrado Mestre Seicho Taniguchi Cerimônia de 14º Ano de Falecimento do Sagrado Mestre Seicho Taniguchi celebra sua memória e legado

Cerimônia de 14º Ano de Falecimento do
Sagrado Mestre Seicho Taniguchi
celebra sua memória e legado

No dia 23 de outubro de 2022, com transmissão pelo Canal da Seicho-No-Ie no Youtube, vamos acompanhar a Cerimônia de 14º Ano de Falecimento do Sagrado Mestre Seicho Taniguchi, momento que será prestigiado pela participação do Presidente Doutrinário da Seicho-No-Ie para a América Latina, Preletor da Sede Internacional Fumio Nishiyama, e do Diretor-Presidente da SEICHO-NO-IE DO BRASIL (SNI/BR), Preletor em Grau Máster José Adalton de Oliveira.

O então Supremo Presidente da Seicho-No-Ie teve seu passamento a 28 de outubro de 2008, às 22h21, em Tóquio, aos 89 anos de idade. Desde então a SNI/BR celebra sua vida e obra em evento especial, marcado por tom solene, atmosfera de gratidão e uma leveza que remete à própria personalidade do homenageado, cuja serenidade, bom humor e simpatia encantavam a todos.

O encontro com A Verdade da Vida em um leito de campanha – Nascido a 23 de outubro de 1919, em Hiroshima, Japão, estava em idade de ser convocado pelo Exército Imperial Japonês para a Segunda Guerra Mundial quando deu baixa na enfermaria com quadro agudo de tuberculose, no ano de 1942.

De jovem soldado convalescente a Supremo Presidente da Associação dos Jovens – O Sagrado Mestre Masaharu Taniguchi reconheceu algo muito especial naquele jovem de olhar doce e habilidade ímpar para a escrita. O fundador da Seicho-No-Ie, que o tratava como filho, afirmou, na apresentação do livro Para Realizar o Amor e a Oração, que tinha “muito orgulho, pois, apesar de sua escrita inimitável e de extraordinário valor religioso. Aos 37 anos, torna-se Vice-Supremo Presidente da Seicho-No-Ie – Sua personalidade e desempenho o alçam a Vice-Supremo Presidente da Seicho-No-Ie em 1957, com apenas 37 anos de idade.

Ao todo, ele se dedicou à Seicho-No-Ie ao longo de 66 anos de intensa vida religiosa. Não obstante sua posição dentro do Movimento, buscava aperfeiçoamento constante, graduando-se em Psicologia pela Universidade de Tóquio.

No transcorrer dos 28 anos como Vice-Supremo Presidente, deu grande propulsão à Associação Pomba Branca e apoio à Associação dos Preletores como segmento estratégico para a divulgação do Ensinamento.

Vindas ao Brasil – Em 1956 o Sagrado Mestre Seicho Taniguchi desembarcou no Brasil para uma série de palestras. Ele retornaria em 1970, 1977 e 1982. Especialmente em 1970, quando ficou um mês arrebatando plateias com suas explicações profundas, com clareza e intermeadas de bom-humor, ele incentivou fortemente a divulgação do Ensinamento entre os brasileiros.

Tal orientação fez com que o Movimento ultrapassasse de vez os limites da colônia japonesa, e ganhasse grande propulsão em todo o território nacional com a proliferação de eventos em idioma português.

Legado – Com o falecimento do Sagrado Mestre Masaharu Taniguchi em 17 de junho de 1985, em 22 de outubro do mesmo ano o Sagrado Mestre Seicho Taniguchi assumiu como Supremo Presidente da Seicho-No-Ie, permanecendo no cargo até o seu passamento, em 2008, portanto durante o período de 23 anos.

Teve quatro filhos, escreveu 227 livros, inúmeros artigos para as diversas publicações da Seicho-No-Ie, e letras de hinos sagrados, traduzidos e entoados em vários idiomas.

Em português, são 33 obras publicadas, chegando a 700 mil exemplares impressos aqui no Brasil. O destaque é a obra A Mente é Força Criadora, que bateu a casa das 150 mil unidades.

Ele foi sucedido pelo filho, Professor Masanobu Taniguchi, que se tornou Supremo Presidente da Seicho-No-Ie em 01º de março de 2009, dando prosseguimento ao legado de extraordinários feitos do Sagrado Mestre Seicho Taniguchi, cuja memória segue sendo imortalizada por ocasião da Cerimônia de 14º Ano de Falecimento, transmitida pelo Canal da Seicho-No-Ie no Youtube no dia 23 de outubro de 2022.

Compartilhe esta página!