Cerimônia no Monumento aos Anjinhos Anônimos dos Países Ibero-Americano e Angola PT

Cerimônia em Memória aos Anjinhos Anônimos dos países Ibero-americanos e África Latina

A Cerimônia em Memória aos Anjinhos Anônimos dos países Ibero-americanos e África Latina acontece algumas vezes ao ano, na Academia de Treinamento Espiritual da Seicho-No-Ie em Ibiúna-SP. É sempre uma cerimônia de muita emoção, em que a oração conjunta – a leitura da Sutra Sagrada Chuva de Néctar da Verdade – é realizada com sentimento de profundo amor e reconhecimentos a essas almas, vitimadas pelo aborto.

Como doutrina de reverência à Vida, em todas as suas manifestações, a Seicho-No-Ie esclarece em seus ensinamentos a essência perfeita e imperecível do ser humano, como filho de Deus, um ser espiritual. Como ser espiritual, a alma humana não surge no momento em que nasce, nem mesmo no momento da concepção. Sua existência é anterior aos fatos do plano fenomênico, assim como permanece viva após a morte carnal. Deste modo, a alma alojada no ventre materno, desde o primeiro instante, já é um ser humano, um ser vivente, que deve ter seu direito á vida resguardado. Um simples embrião já aloja a Grande Vida de Deus dentro de si e é tão importante quanto a vida de qualquer outro ser humano.

A prática do aborto é um ato contrário a Vontade de Deus, em qualquer circunstância, mesmo em países onde essa pratica é amparada pela lei. É uma ação antinatural, que ceifa uma vida que estava destinada a nascer neste mundo e contribuir com a evolução das demais pessoas. As almas vitimas de aborto têm suas missões interrompidas, são brutalmente arrancadas do ventre materno e ficam desorientadas no plano espiritual, precisando de ajuda para se reerguerem.  

A oração para essas almas é muito importante, aliada ao sentimento de amor e profundo arrependimento dos pais pela falta cometida. Especialmente as almas vitimas de aborto que ainda não foram reconhecidas pela família, são ainda mais sofredoras e precisam de orações para conseguirem se reerguer no mundo espiritual e continuarem sua jornada evolutiva. Esta cerimônia destina-se justamente a essas almas, ainda não acolhidas pela própria família. As orações são uma grandiosa porta de salvação.

Se quiser mais sobre este importante assunto, recomendamos a leitura do livro ‘Pela Paz dos Anjinhos’, disponível em nossa Loja Virtual (ainda não editado em espanhol), ou consulte outros conteúdos em nosso site.

Fale conosco

+55 11 5014-2222

americalatina@sni.org.br

Av. Engenheiro Armando de Arruda Pereira, 1.266, Jabaquara, São Paulo-SP, Brasil - Cep: 04308-900